Blog Esalqueanos

Palpite Incompleto (Pinduca F68)

21/11/2015 - Por marcio joão scaléa
Atenção: Os textos e artigos reproduzidos nesta seção são de responsabilidade dos autores. O conteúdo publicado não reflete, necessariamente, a opinião da ADEALQ.

3133 views 0 Gostei 0 Não gostei

prednisolone

prednisolon kur inetapakistan.azurewebsites.net


A tradicional soneca da quinta feira à tarde, em que não havia aula, foi interrompida com o Universitário acordando com um número muito nítido na cabeça : 149.497.

 

É um palpite, pensou ele, e começou a juntar umas moedas para fazer sua aposta no jogo do bicho. Infelizmente não deu tempo, pois naquela época as apostas se encerravam às três horas da tarde.

 

Na boca da noite, impaciente, o Universitário viu chegar o resultado na banca da esquina : 0149, milhar seco na cabeça. Ele ficou desesperado. Conferiu do segundo ao quinto prêmios e como não encontrou o outro numero do sonho, pensou : amanhã é o dia do 497.

 

Dia seguinte, aposta feita bem cedo : 0497, milhar seco na cabeça. De tardezinha, o resultado : 0797, nada feito! Se tivesse cercado a dezena ou até o grupo, teria recuperado pelo menos o dinheiro apostado.

 

De lucro, a conclusão : Deus até ajuda com o palpite. Mas só o palpite não vale nada, se não há participação, planejando e executando a aposta como ela deve ser. 


Como tudo, na vida.

Marcio Joao Scaléa (Pinduca F68) é Engenheiro Agrônomo ex morador da Republica Mosteiro

PUBLIQUE NO BLOG!
PUBLICIDADE
APOIADORES