Blog Esalqueanos

Causos do Dr Mauá O Velho Bonde Aposentado

30/10/2015 - Por orlando lisboa de almeida
Atenção: Os textos e artigos reproduzidos nesta seção são de responsabilidade dos autores. O conteúdo publicado não reflete, necessariamente, a opinião da ADEALQ.

6925 views 0 Gostei 0 Não gostei

mixing antidepressants and alcohol

alcohol and antidepressants citalopram blog.icuracao.net


Poucas cidades do interior de São Paulo tiveram bonde.   Que eu saiba, seriam Santos e Piracicaba.      É claro que na década de setenta os bondes já há tempos eram coisas do passado, peças históricas.    Tiveram muito a ver com o dia a dia da cidade em geral e da comunidade esalqueada em particular.    Numa época em que poucos tinham carros, subir os morros para chegar à Esalq poderia ser uma opção interessante e de custo razoável.    Dizem os da época do bonde, que  na fase do trote, se tivesse algum calouro andando no bonde e um veterano entrava, ele fazia o calouro ficar à pé.    Bicho sofria, meu!   Pagar a passagem e ter que abortar a viagem.

Falavam até que uns veteranos maldosos uma vez nessa época do bonde fizeram uma mega sacanagem com um calouro, amarrando-o com as mãos nas costas e vendando os olhos dele e depois amarando o dito cujo no “desvio” do bonde, que sabiam que não seria usado.    

Quando o calouro escutou o barulho do bonde que vinha por perto, entrou em pânico e deve ter até apelado para seu anjo da guarda.       Essa foi dose cavalar, de alto risco.

Para a nossa turma e as mais novas, o bonde que fica exposto lá nos jardins da Esalq é apenas uma peça histórica que retrata o passado, mas para muitos que viveram e por lá conviveram com a Piracicaba dos bondes, a lembrança deve ser muito significativa.   Com certeza o tempo volta e a pessoa se sente lá na época, viajando de bonde rodeado dos amigos e colegas da Esalq.

 Orlando Lisboa de Almeida (Mauá ou Camarão F-76)  Engenheiro Agrônomo, Fez carreira no Banco do Brasil onde se aposentou, hoje é conselheiro suplente da câmara de agronomia do CREA do PR, conselheiro consultivo do Sindicato dos Engenheiros do PR - Nativo de coração, frequentava a Republica Kpinzar

Mauá é nosso colunista do Blog e tem seus "Causos" publicados toda Sexta Feira para você começar bem seu "Quase Final de Semana" 

Acesse o BLOG do Orlando - http://www.orlandolisboa.blogspot.com.br
PUBLIQUE NO BLOG!
PUBLICIDADE
APOIADORES